25 de fev de 2011

Essa é para nunca esquecermos na vida!




Ainda nessa semana Wesley foi a uma consulta médica que para ele é rotina, oncologista. 

Há 14 anos Wesley teve CA no intestino, ainda adolescente tudo lhe foi omitido, minha sogra tinha medo de que ele se desesperasse e não suportasse a notícia, apenas a família e alguns amigos muito próximos sabia. 

Quando o médico decidiu pela retirada do tumor e após a cirurgia foi o momento que tudo foi esclarecido a Wesley, ele mesmo me contou que nunca suspeitou de nada, acreditando ser problema leve de saúde, mas quando teve a tal conversa com o médico finalmente a fixa caiu! 

Todos presenciaram um milagre, o tumor foi totalmente retirado, apenas alguns centímetros foi retirado de seu intestino, quimioterapia não era obrigatória, mas foi feita ainda por 6 meses e o meu super homem venceu esta luta aos 17 anos, mostrando que para viver precisamos antes de mais nada amar a vida e lutar por ela. Deus nos fez vencer. 

O mais surpreendente para nós não ficou lá no passado, nessa semana ao conversar com sua médica ela conversou a respeito do nosso casamento e questionou, incrédula creio eu, quando teríamos nosso primeiro filho, foi então que Wesley disse que seria agora em Abril (2011), ela surpresa e atônita perguntou: Como? Ele repetiu que Letícia nasceria em abril. 

Novamente recebemos uma notícia que só demonstra o amor de Deus por nós, ela disse que as chances de Wesley ser um homem estéril seria de quase 99%, que jovens que fazem quimioterapia dificilmente conseguem ter filho. 

Foi nossa vez de ficarmos surpresos, não precisamos fazer planejamento ou tratamento por meses, em um descuido eu engravidei, isso é prova de que o milagre em nossas vidas se perdura até hoje. 

Definitivamente, quando olharmos para Letícia (ainda aqui dentro de mim) jamais poderemos esquecer que há um Deus que nos presenteia dia a dia com plenitude de alegria. 

\o/ 



Letícia = plenitude de alegria, aquela que trouxe alegria. Oooo







22 de fev de 2011

Chá de Lelê

Apesar de eu me encontrar ainda em repouso e permanecerei nele até o final da gestação, notícia que recebi há 2 dias, nem me importo, para mim o que ta valendo é Letícia, ela estando bem e saudável é o que interessa. 

Ainda assim dei uma escapada do repouso para poder fazer o chá de bebê. Já estava tudo organizado por pelo menos 2 meses. Como eu já disse sou super ansiosa, os convites já tinham sido entregues e todo mundo estava na maior expectativa por este chá. Combinei com uma amiga toda a programação, ou seja, nada de muita movimentação comigo, terei que ficar sentadinha para não abusar não é mesmo! Sem esquecer o horário que não deve extrapolar o limite de 2h assim eu garanto que não ficarei tanto tempo fora da cama. 

Da forma combinada foi feito, nos divertimos bastante, comemos, tirei fotos e voltei para casa um caco. Acho que de tanto ficar deitada ou simplesmente inclinada na cama me desacostumou a ficar em pé e sentada de verdade. Fiquei sem ar, estranhei o peso da barriga – isso porque quando eu ainda perambulava pelas ruas e shoppings não tinha uma significativa barriga -, mas valeu a pena, fiquei super emocionada e realizada, revi amigas que não puderam vir me visitar e dei boas gargalhadas. 

Algumas das coisas que eu tinha planejado fazer para o chá não deram certo, lembram as idéias que já tinha apresentado aqui? Pois é, algumas realizei como queria, outras melhorei, mas teve algumas que corri longo, um exemplo disso foi o bolo. Primeiro queria um bolo temático, mas são super caros, cai fora, até porque quem está preparando enxoval, quarto e cuidados médicos já desprendeu bastante $. Mudei de idéia e ia fazer cupcake, fiz até o teste da receita e foi aprovada, mas como permaneceria de repouso ficava inviável depender de alguém que ainda não os tinha feito antes, mais uma idéia rejeitada, por fim resolvi encomendar uma torta mesmo e fazer um paralelo com o lindo bolo de fraldas....kkkkkkkkk.... este último nos rendeu raiva e por fim alívio, muito trabalhoso para quem está de cama =D 

Vocês verão que apesar de não ter feito o bolo como tinha imaginado há meses ficou tudo ótimo e a torta estava linda e deliciosa. Fora que de pois de 40 dias sem ver o céu azul (exagero) tudo me fez parecer estar em um sonho. Foi maravilhoso!



Ainda tive direito a caderno de recados, obrigada amiga Polly, você como sempre me presenteando com sua companhia, amizade e bom gosto =**




19 de fev de 2011

A maravilha do ventre livre!



Quase que regra entre as grávidas é a famosa prisão de ventre, mas será mesmo que temos de sofrer com isso? DIGA NÃO PARA VOCÊ MESMA AGORA! VAMOS LÁ, DIGA NÃO. 

Pois é, a prisão de ventre não é regra para nós grávidas, de acordo com alguns estudos cerca de 40% das gestantes tem prisão de ventre, por isso você e nem ninguém é obrigada a enfrentar este caos, basta apenas conhecer seu intestino e tomar as providências alimentares e médicas necessárias. 

A constipação em gestantes ocorre por causa da alta de alguns hormônios – exemplo a progesterona – que acarreta em um intestino lento, como também a ingestão de vitaminas que nos são recomendadas o que pode agravar a situação 

Então nos questionamos, quais são as causas da prisão de ventre: 

1. Falta de fibras na alimentação 

2. Falta de ingestão habitual de frutas e verduras 

3. Pouca ingestão de água diariamente 

4. Falta de exercícios físicos 

5. Gravidez, Estresse e Ansiedade 

6. Fisiológicas e genéticas 


Sendo assim abuse de ingestão de água, líquidos em geral. Até antes de engravidar eu tinha um grande problema que era a ingestão de água, eu simplesmente me esquecia de beber, ficava cercada com meus afazeres e passava praticamente o dia com apenas 2 ou 3 copos com água, mas decidi que isso ia mudar e eu não ia me dar ao luxo de ter dois problemas durante a gravidez, prisão de ventre e incontinência urinária, longe de mim! 

Além da água coma frutas e acrescente a linhaça ao seu cardápio, pois sabe-se que os seus benefícios são inúmeros, não só a digestão como ao controle de taxas, a pele, o cabelo ..., faça exercícios, tome as decisões que só cabe a você e o retorno será satisfatório. 

Durante toda a minha gravidez não tive problemas, passei a me policiar quanto a água, ando sempre com uma garrafa do lado, só bebo sucos, nada de refrigerantes que também não fazem bem ao bebê (escapo da regra apenas 1 vez por semana), todo dia alterno entre comer mamão ou tomar um suco poderoso de ameixa preta, fora a minha paixão por frutas, ai eu abuso mesmo, por isso eu bendigo a maravilha do ventre livre.









9 de fev de 2011

Quarto de bebê

Desde que descobri a gravidez comecei freneticamente a olhar coisinhas para bebê, mas mesmo antes eu já tinha me apaixonado por um quarto em especial. O encontrei quando pesquisava decoração para o quarto do meu sobrinho, afinal de contas os priminhos terão um diferença de 4 meses apenas, então aproveitei e já fui guardando as imagens para mim.


Gosto de usar listas, deixa um ar moderno, gosto do lilás, pois sempre pensei, “No dia que for ter uma menina não quero quarto rosa, toda menina tem quarto rosa, quero para ela um quarto lilás!” Então gostei da sugestão das listras e suas cores o que não me deixa escrava de nenhuma dela em especial. 

Entre tantas idéias vistas na net me apaixonei por várias e a dúvida começa a bater, mas eu vou adaptar tudo que tenho visto e tenho certeza que acertarei nas escolhas. Qualquer coisa tenho duas amigas arquitetas não é, elas podem me dar uma força caso eu misture demais. 

Ai estão algumas propostas que gostei.


São tantas coisas lindas e eu quero aproveitar que estou em casa e fazer tudo com minhas próprias mãos, em breve postarei o resultado de tanto trabalho e como ficou o quarto da minha filhota.




Você poderá também gostar de: